Dinastia de Covraconde

From MicroWiki, the micronational encyclopædia
Jump to: navigation, search
Dinastia de Covraconde
Dnastia dCovraconde (pt ant)
200px
País Outra.jpg Reino da Antillia
Tipologia Electiva
Títulos Rei de Antillia
Conde de Aira
Conde de Con
Soberano de Roillo
Fundado ~740 AD
Fundador Arcebispo de Porto-Cale
Último soberano Illieu I Covraconde

A Dinastia de Covraconde, também conhecida como Dinastia Electiva foi a primeira dinastia do Reino da Antillia após o reinado do lendário Arcebispo do Porto-Cale que a 733 AD querendo esquivar-se à dominação muçulmana, deliberou partir para a grande terra das "Sete Cidades" que os marítimos lhe asseguravam existir no meio do oceano ocidental. No ano de 734, o arcebispo, acompanhado por outros 6 prelados, aos quais se juntaram cinco milhares de fiéis, embarcou-se numa frota de vinte veleiros. Deram então de caras com a tal ilha que logo decidiram acomodar-se, queimando seus veleiros para lá permanecerem isolados dos eventos europeus. E assim a Dinastia Covraconde foi instituida, dando a liberdade aos seus cidadãos de eleger um soberano do Conselho de Estado Antilliano.

Reis da Dinastia de Covraconde

  • Arcebispo de Porto-Cale, O Pai Fundador (r. 740 - 780) - o pai fundador do Reino da Antillia, contudo sua existência pode ou não tratar-se de uma lenda romantista.
  • Turismundo I Covraconde, O Covraconde (r. 780 - 835) - foi o rei que deu o nome à Dinastia, seus atos de administração tornaram-no numa peça importante na história antilliana.
  • Turismundo II Covraconde, O Unitário (r. 835 - 839) - uniu as 7 cidades e nomeou representantes para cada uma. Morreu assassinado.
  • Turismundo III Covraconde, O Irmão (r. 839 - 888) - irmão de Turismundo II
  • Cosme I Covraconde, O Astro (r. 888 - 900) - seu nome assim como o seu cognome foi escolhido pelo seu fascínio astrológico.
  • Lopo I Covraconde, O Cavaleiro (r. 900 - 922) - investiu nas forças armadas antillianas assim como nomeando cavaleiros para a corte, daí seu cognome.
  • Mair I Covraconde, O Magro (r. 922 - 953) - rei de magreza mórbida.
  • Lopo II Covraconde, O Infeliz (r. 953 - 954) - foi assassinado, reino por apenas um ano dando entrada na Crise de 954.
  • Lopo III Covraconde, O Mão de Ferro (r. 957 - 990) - foi eleito após a crise de 954 tendo sido o combatente vencedor da mesma.
  • Illieu I Covraconde, O Egípcio (r. 990 - 1031) - foi o ultimo rei da dinastia electiva. Instituiu uma monarquia hereditária que originou grandes combates armados em instinto de revolta, contudo, a decisão foi delineada permanentemente em 1001 após seus discursos inspiratórios sobre a Linhagem Akhnothep.